Custo operacional efetivo de produção de soja em sistema de plantio direto

  • Bruno Gomes Candido Ferreira
  • Matheus Modesto Leal Freitas
  • Gustavo Carvalho Moreira
Palavras-chave: plantio convencional, métodos alternativos de produção, viabilidade financeira

Resumo

Devido a grande importância da soja para a agricultura brasileira e o aumento do interesse dos produtores pela realização do cultivo através do sistema de plantio direto, este trabalho objetivou verificar o custo operacional efetivo de produção da cultura da soja em tal sistema. A abrangência do estudo tem como referência uma fazenda localizada no município de São Gabriel do Oeste, Mato Grosso do Sul, relativo à safra de 2009/2010. Foi utilizada a metodologia para estimativa de custo operacional efetivo (COE) que constitui o somatório dos custos com a utilização de mão-de-obra, máquinas, equipamentos e insumos. De acordo com os resultados obtidos, o COE de soja no município foi de R$ 1.251,35 reais por hectare, sendo que o item que mais onerou os custos foram os insumos, com participação de 79,38%. Tal sistema mostrou-se mais atrativo financeiramente que o sistema de plantio convencional que apresenta um custo operacional efetivo quase 30% superior, indicando a viabilidade do sistema de plantio direto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Alvim, M.I. da S. A; Valle, S.M.L. R. do; Lima, J.E.; SILVA, O. M. da. 2004. Análise da competitividade da produção de soja nos sistemas de plantio direto e plantio convencional na região do cerrado brasileiro. Revista da Economia e Sociologia Rural. 42(2): 223-242.

Castro, S.H. de; Reis, R.P., Lima, A.L.R. 2006. Custos de produção da soja cultivada sob sistema de plantio direto: estudo de multicasos no oeste da Bahia. Ciência e Agrotecnologia. 30(6): 1146-1153.

Centro de estudos avançados em economia aplicada – [CEPEA]. 2013. Alertas de mercado – SOJA/CEPEA. Disponível em . Acesso em: 03 set. 2013.

Companhia Nacional de Abastecimento [CONAB]. 2012. Acompanhamento de safra brasileira: grãos, segundo levantamento. Brasília: Conab. 33p.

Companhia Nacional de Abastecimento [CONAB]. 2013. Acompanhamento de safra brasileira: grãos, segundo levantamento. Brasília: Conab. 77p.

Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás [FAEG]. 2013. Estimativa do custo de produção, soja convencional, Goiás. disponível em .

Fidelis, R.R.; Rocha, R.N.C.; Leite, U.T.; Tancredi, F.D. 2003. Alguns aspectos do plantio direto para a cultura da soja. Bioscience Journal, Uberlândia, v.19, n.1, p.23-31. Disponível em:<http://www.seer.ufu.br/index.php/biosciencejournal/article/viewFile/6432/4167>. Acesso em:11/03/14.

Godinho, V. de P.C.; Prado, E.E.do; Utumi, M.M.; Oliveira, S.J. de M. 2000. Estimativa de custos de produção de soja, em plantio direto e convencional, para a região do cerrado de Rondônia – safra 2000/01. Comunicado Técnico 184. Embrapa-Rondônia. Disponível em:<http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/bitstream/doc/703060/1/cot184soja.pdf>. Acesso em: 15/04/14.

Gomes, F. 2002. Brazil poultry producers slow output as grains crimp margins. Reuters Brasil. São Paulo, 20 ago. 2012. Disponível em: <http://www.reuters.com/article/2012/08/20/brazil-grains-poultryidUSL2E8JHNNL20120820>. Acesso em: 28 nov. 2012

Junior, A.G.E.; Osaki, M. 2005. Avaliação do efeito da ferrugem asiática no custo operacional efetivo da soja no estado do mato grosso. Disponível em:<http://www.sober.org.br/palestra/2/517.pdf>. Acesso em: 20/04/14. 2005

Landers, J. N. 1995. Fascículo de experiência de plantio direto no cerrado. Goiânia: APDC, 261p. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento [MAPA]. 2008. Principais municípios produtores de soja no brasil. Disponível em: <http://www.agricultura.gov.br/>Acesso em: 06/05/14.

Melo Filho, G.A. de; Kruker, J.M. 1990. Custo de produção de trigo na região de Dourados, MS - safra 1990. Dourados: EMBRAPA-UEPAE Dourados. 11p. (EMBRAPA-UEPAE Dourados. Comunicado Técnico, 38).

Melo Filho, G.A. de ; Richetti, A.; Kruker, J.M. 1995. Custo de produção de milho – safra 1995/96. Dourados: EMBRAPA- CPAO. (EMBRAPA-CPAO. Comunicado Técnico, 9). Disponível em:< http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/66557/1/N-9-ago.95.pdf>. Acesso em:10/06/14. 1995.

Muzilli, O. 1981. Cultura da soja: princípios e perspectivas de expansão. In: INSTITUTO AGRONÔMICO DO PARANÁ. Plantio direto no Estado do Paraná. Londrina:IAPAR, p.11-14.

Reis, R. P.; Francelli, A. L.; Neto, D. D.; Ribeiro. C. M.; Ferraro. L. A. 2001. Manejo do solo e o rendimento de soja, milho, feijão e arroz em plantio direto Disponível em:<http://www.agencia.cnptia.embrapa.br/recursos/jkscientiaID-FXKGgzLkOG.htm>. Acesso em: 15/05/14. 2001.

Reis, R. 2002. P. Fundamentos de economia aplicada. Universidade Federal de Lavras: UFLA. 95 p.

Tester, M; Langridge, P. 2010. Breeding technologies to increase crop production in a changing world. Science, Washington, 327(5967): 818-822.

United States Department of Agriculture. [USDA]. 2011. Agricultural projections to 2020: interagency agricultural projections committee. Washington. 106 p.

Publicado
20-11-2014
Como Citar
Ferreira, B., Freitas, M., & Moreira, G. (2014). Custo operacional efetivo de produção de soja em sistema de plantio direto. Revista IPecege, 1(1), 39-50. https://doi.org/10.22167/r.ipecege.2015.1.39
Seção
Artigo Original - Agronegócio